in ,

Verdevaldo Moura Brasil

Tentarei explicar de forma sucinta o que eu conheço da insistência do @BlogDoPim (Felipe Moura Brasil) em tentar queimar pessoas importantes do governo. Primeiramente, vocês precisam entender que Antagonista, Crusoé e Jovem Pan são o cão cérbero: três cabeças, mas tudo no mesmo corpo.

No ano passado, depois que o Bolsonaro ganhou as eleições, a turma do FMB passou a puxar o saco dele, pois tinham interesse em integrar a SECOM (Secretaria de Comunicação). Até Dezembro de 2018, quem cuidaria da SECOM era o ex-ministro Gustavo Bebianno, mas isso foi alterado.

Depois que o Bebianno perdeu o controle sobre a SECOM, o Felipe Moura Brasil passou a alfinetar o governo todos os dias, sempre vazando informações privilegiadas de uma fonte interna do próprio governo. Adivinha de quem?

Enquanto o Gustavo Bebianno ainda era ministro, a posição desses jornais ligados ao FMB era clara: “Enquanto o Bolsonaro não nos ceder a SECOM, iremos vazar informações internas do governo! Ou ele nos dá o que queremos ou vamos fazer de tudo para desestabilizar o governo dele!”

O que aconteceu? O @CarlosBolsonaro prontamente percebeu essa atitude e passou a defender o pai dele desses jornalistas e do safado do Bebianno, daí esses jornais passaram a chamar o Carlos de “pitbull raivoso” e coisas do tipo, tentando fazer ele parecer louco e intrometido.

Quando o Bebianno foi exonerado em Fevereiro de 2019, não foi coincidência que ele foi parar direto no programa “Os Pingos nos Is” da Jovem Pan, dando entrevista exclusiva e presencial. Tanto é que na própria entrevista o Augusto Nunes admite que era amigo pessoal do Bebianno.

Com a exoneração do Bebianno, esses veículos da imprensa ligados ao Felipe Moura, e claro, Diogo Mainardi e Mario Sabino, mudaram de estratégia. Como ficou claro que eles nunca teriam a SECOM com Bolsonaro na Presidência, hoje se dedicam a derrubar o Bolsonaro de todas as formas.

A fonte dissidente das conversas de WhatsApp mencionadas pelo FMB é a Raphaella Avena. Como sei? Porque ela estava no grupo da @profpaulamarisa e @StefannyPapaia2, mas foi removida por se aliar a pessoas que traíram o Bolsonaro e que queriam que o Mourão assumisse a Presidência.

Lembram daquela história de criar uma “rede social de direita”? Um dos motivos da Avena ser expulsa do grupo da Paula foi ela ter apoiado o Sandro Rocha, dono dessa rede social, a Gateway369. Sandro também é aquele ator que fez vídeo mandando o Bolsonaro renunciar a Presidência.

“Tá, mas o que Avena tem a ver com Felipe Moura?”. O Felipe queria aparelhar a SECOM e criar um cabide de empregos, enquanto que a Avena também queria favores da família Bolsonaro. No final, os dois se sentiram “namoradas traídas” do governo e juraram vingança, por isso da união.

E olha, eu não entrei em contato com a Camila Abdo, Paula Marisa ou Steh Papaiano para confirmar minha “suspeita” e nem pretendo, mas a Avena tava numa ansiedade e regozijo tão explosivos que ela mesma postou no Twitter ontem, antes mesmo da matéria sair:

Se vocês estiverem interessados em saber mais sobre a Avena Surfistinha, há vídeos no canal da própria Paula Marisa comentando, assim como do Youtuber @TramonteOficial. E se você gosta de rir, o @TVHDOzzy também cobriu bastante na época. O resumo é: ela foi uma aproveitadora.

Enfim, se vocês repararem bem, todas as personagens da matéria que são tratadas como “vítimas” são apoiadores do Antagonista, Felipe Moura e etc. já há um bom tempo. Eles agem parecido e falam as mesmas coisas, o que inclui até mentiras sobre fritura do Guedes e Moro.

Finalizando: achei a matéria uma porcaria escrita por ex-mulher vingativa, mas também acho interessante porque algumas dessas pessoas que foram destacadas pela matéria, como o Allan ou a Paula, começaram a ser atacadas por Youtubers vira-casaca num espaço de tempo muito curto.

Extra: eu não sou formada em psicologia, mas eu sei que as palavras que uma pessoa escolhe para se expressar revelam muito do que ela está pensando. Quando o FMB destaca que o @LeitadasL0en se autointitula “o carioca mais querido do Twitter”, eu senti a inveja do jornalista kkk!

Carlos Bolsonaro aprovou a análise da Sophie.

Texto escrito no Twitter por @SophiePieretti.

Escrito por Mav Callback

Você gostou?

0 pontos
Upvote Downvote

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

0

Comments

0 comments

As incoerências do Nando Moura parte 2

Fernando e Felipe – o triste fim da família Moura.